Testemunho

[vc_row][vc_column][vc_text_separator title=”Irmão Adola fala sobre sua chamada de ser Irmã” color=”custom” border_width=”5″ accent_color=”#2f5e1d”][vc_video link=”https://youtu.be/CwwnGwFuV-w” el_width=”60″ align=”center”][vc_text_separator title=”” color=”custom” border_width=”5″ accent_color=”#2f5e1d”][vc_column_text]

“Li e reli uma de suas publicações intitulada Música Rock e fiquei profundamente tocado, pois até aquele momento eu não tinha consciência da ameaça e do poder satânico que se esconde por trás deste tipo de música.

Eu tenho 22 anos e desde os 16 eu gostava dos mais variados conjuntos de Rock. Algum tempo após a minha conversão eu deixei de lado as músicas que o mundo oferece, porém ainda tinha uma simpatia pelo Rock ‘cristão’.

No princípio, quando comecei a ler o livreto, fiquei confuso e imaginei que fosse algo escrito por um grupo de fanáticos religiosos e interrompi a leitura. Passado algum tempo, eu retornei a ler aquela matéria novamente e desta vez eu não consegui tampar os meus ouvidos, pois um cristão de verdade escuta com o coração.

Após ter lido o livreto sobre música rock, muita coisa foi esclarecida e senti uma vontade imensa de fazer alguma coisa por essas pessoas e decidi que a partir de hoje eu tenho uma oração específica a fazer; uma oração contra a influência demoníaca que o Rock exerce sobre milhares de jovens no mundo inteiro.

Fico muito feliz em saber que há no mundo pessoas como vocês que se prontificam a realizar um trabalho tão nobre e necessário para a obra de Deus.” um jovem de Maceió, AL

[/vc_column_text][vc_row_inner equal_height=”yes”][vc_column_inner][/vc_column_inner][/vc_row_inner][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][/vc_column][/vc_row]